“My personality is bigger than yours”

“Almost all people are dumb. Ever seen people go into a restaurant to order food? They don’t even want to eat food. They come in because it’s time to eat. They’re not even hungry. The more I think of humanity, the less I want to think of them.”

Oh so fucking clever. Argumentação muito bem embasada. A leitura que faço é a seguinte: o nosso querido bêbado bukowski acha que as pessoas não vão em restaurante porque querem comer.Não,não,não. Quem sente fome na hora do almoço? Só ovelhas burras e alienadas que seguem o sistema e suas ordens pré-determinadas! Óbvio! Inteligente mesmo é ele, que almoça só na hora do chá da tarde e é diferenciado!

“Ah! Como eu não gosto da humanidade, são todos burros! Deus,como sofro! Odeio-a tanto que me dou ao trabalho de escrever sobre ela pra dizer que eu não gosto de pensar nela! Ah,agonia!!

Alguém leva esse cara a sério?

Coisa de que mais tenho raiva são essas pessoas que, em tudo, acham motivo para se acharem superiores: “hurr durrr olha essa massa de gente burra e alienada assistindo à Globo, bando de ovelhas”, ” herp ele ouve funk, música de favelado. o negócio é ouvir Chico Buarque derp”. E esse texto não é contraditório. É um texto lixo, eu sou lixo, você é lixo. Não sou melhor que ninguém, nem você é. We’re the same decaying organic matter as everything else.

E olha eu quotando Fight Club…

2 comentários em ““My personality is bigger than yours””

  1. Concordo com ele na parte que as pessoas não comem porque sentem fome e sim porque está no horário. Desde do sistema capitalista (antes do fordismo) surgiu os talz horários de descanso no trabalho, para otimizar o tempo, enquanto no passado cada um fazia seu horário (você manja mais de história que eu, sabe disso). Mas discordo quando ele diz que isso os fazem serem dumbs, uma vez que não tem escolha e a força do hábito os moldaram assim.

    Mas o mais importante… O QUE ISSO TEM A VER COM MÚSICA?

  2. Nem precisa ter a ver com música mais. Quaisquer pensamentos aleatórios sobre arte no geral. Esse trecho que eu postei é do Bukowski. O que você falou faz sentido, a lógica capitalista molda os hábitos das pessoas com intenção de melhorar a produção durante o trabalho. O pensamento do autor me deixa particularmente puto porque ele usa isso de uma forma totalmente generalizada: “Ever seen people go into a restaurant to order food? They don’t even want to eat food. They come in because it’s time to eat. They’re not even hungry. ” Porra, olha o absurdo que esse bêbado tá dizendo. Eu vou na joça de um restaurante porque eu não comi nada de manhã e tive que ir pra faculdade apressado, aí dá meio-dia e meu organismo biologicamente (minha barriga tá roncando, dá pra ouvir o barulho) sente fome,cacete. Além disso muitas vezes a própria situação de almoço configura um ritual social, em que as pessoas, aí sim, estão sentadas em uma mesa muito menos pela comida que vão comer do que pela oportunidade de se reunir com os amigos e trocar ideias. Bukowski generaliza e isso eu não perdoo. Além disso, ele usa esse pensamento para tentar se mostrar superior ao resto da humanidade. Por isso que ele é um autor muito popular entre adolescentes “descolados e sombrios”, porque eles também tem essa mentalidade de que são superiores,mais inteligentes, mais politizados, mais engajados,enfim, que a população “comum”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s