Resenha: Tomoyoshi Date – Otoha (2011)

Tomoyoshi Date nasceu em São Paulo, mas com 3 anos #partiu pro Japão e agora tá trabalhando com medicina por lá.  Gravou esse álbum nas noites entre o período que ficou sabendo que sua mulher tava esperando uma filha ( de nome Otoha, que significa “o som das folhas”) e a noite anterior ao parto. O som é delicado,bonito e suave. Acústico com adição de field recordings e glitches eletrônicos. Coisa fina.

Otoha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s